Carta Capital | Paraíso não ficou de fora das queimadas amazônicas

O povo Borari chora por suas terras e pela situação de risco, mas não chora sentado. Estamos de pé, combatendo o fogo, e pedindo apoio

O povo Borari chora por suas terras, suas florestas, e por toda riqueza que vem sendo transformada em cinzas em decorrência da ganância de muitos e do descaso governamental.

A Vila de Alter do Chão – que esse ano ficou mais conhecida em outras regiões do país por meio de reportagens na televisão ressaltando suas belezas naturais – fica localizada no oeste do Pará, à margem direita do Rio Tapajós, e é território do povo Borari.

Leia artigo completo de Leila Borari em: https://www.cartacapital.com.br/opiniao/alter-do-chao-em-chamas-paraiso-nao-ficou-de-fora-das-queimadas-amazonicas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *